Dra. Andressa no Youtube

Dra. Andressa no Instagram

Artigos & Informações

Dra. Andressa no Facebook

3 horas atrás

Endocrinologia em dia

Qual o segredo dos grandes perdedores de peso? Parte 3: Mais hábitos e escolhas

Esta semana o tema é perda de peso, nosso favorito! E estamos na série de posts entendendo por que há pessoas que conseguem perder muito peso, outras conseguem perder pouco e outras não conseguem. Ontem falamos dos hábitos e hoje continuamos com eles, afinal, são as mudanças permanentes que queremos na hora de eliminar os quilos extras.

Muitos perdedores de peso de sucesso relatam que o apoio da família, amigos e equipe de saúde foi fundamental para conseguir mudar. Estar se sentindo amado e apoiado foi decisivo na hora de mandar embora os quilos a mais.

A atividade física foi o ponto de mudança de muitos perdedores de peso. Se encontrar em um caminho de gasto de energia que te deixe feliz e recompensado fez toda a diferença nos grandes perdedores de peso. Pode ser dançar, nadar, correr, fazer musculação... não importa, desde que você mantenha seu corpo em movimento.

Manter aquela calça de tamanho maior para te incentivar. Vestir aquela roupa que estava justa e agora está larguíssima ajuda de forma imensa na autoestima e na vontade de seguir em frente.

Olhar a qualidade do seu sono: será que você ronca? Tem um sono reparador? A qualidade do seu dia depende diretamente da qualidade da sua noite. Isso quer dizer que vale sim conversar com seu médico e hoje temos muitos recursos para avaliar o sono, desde aplicativos que sugerem alterações nas fases profundas do sono até a polissonografia.

E por final, uso de medicamentos, quando indicado. Sim, usar medicamentos para perda de peso não é errado. Errado é usar vários medicamentos ao mesmo tempo, misturados em fórmulas, sem que se trate de forma técnica e efetiva o padrão alimentar. É compulsão? É excesso de alimento? Vontade sem controle de doce? A resposta do controle de peso pode estar em um medicamento, prescrito por um médico regulamentado para poder te auxiliar nesse processo. Mas... esse é tema para o post de amanhã!
... Veja maisMostrar menos

Veja no Facebook

1 dia atrás

Endocrinologia em dia

Qual o segredo dos grandes perdedores de peso? Parte 2: hábitos e escolhas

Esta semana estamos falando por aqui do porquê algumas pessoas conseguirem perder muito peso, outras conseguirem perder pouco e outras não. Uma das explicações está na mudança de hábitos duradoura, permanente.

Ontem falamos do hipotálamo, que é o nosso regulador de peso, influenciado muito pela qualidade da dieta que consumimos. E hoje vamos falar dos hábitos dos perdedores de muito peso.

Planejamento é a chave do sucesso. Você já deve ter ouvido essa frase quando nos referimos à empresas, trabalho e compras de imóveis, carros e bens, certo? Pois bem, essa frase também encaixa muito bem em quem precisa perder peso. É um processo longo, difícil e que se feito com calma tende a levar ao sucesso: é essencial entender que perdas de peso muito rápidas levam ao efeito sanfona enquanto que perdas de peso lentas são mais fáceis do cérebro entender que não estamos passando fome.

A primeira refeição do dia vale muito! Um bom café da manhã com proteína vai ajudar na sensação de saciedade ao longo do dia. Mesmo que você esteja em um plano de jejum intermitente, basta entender o conceito que a primeira refeição do dia deve ter ao menos 25 gramas de proteína para garantir que o intestino libere os hormônios de saciedade.

O uso de aplicativos tem se mostrado um excelente aliado na hora de entender calorias e porções. Independente da dieta sabemos que o que conta na hora do corpo perder peso é o valor calórico dos alimentos. Muitas vezes você acaba errando escolhendo uma porção pequena de algum alimento porém muito calórica, enquanto que pode comer mais alimentos menos calóricos e se sentir saciado

O uso de shakes para substituir alimentação pode ser uma forma de reduzir as calorias e garantir saciedade. Mas depende muito do tipo do shake e de saber se seu nutricionista acha válido incluir na sua dieta.

Longe da visão, longe da vontade. Isso funciona para a maior parte das pessoas, se a guloseima não está à mão, você não vai ter vontade dela. Tenha na sua geladeira alimentos saudáveis, frutas cortadas e opções pouco calóricas na hora que a fome bater.
... Veja maisMostrar menos

Veja no Facebook

WhatsApp